MERCADO

Conheça a Eco, a criptomoeda da Uber

Tempo de leitura: 1 minuto

Cada vez mais, empresas renomadas entram no mercado das criptomoedas. Seja abrindo as portas para patrocínios – como fez o time da NBA Houston Rockets – ou mesmo criando sua própria moeda. O mais recente foi o Facebook, que anunciou a Libra. Mas você sabia que a Uber tem uma criptomoeda também? Conheça a Eco!

A Eco, cripto da Uber, nasceu com um objetivo ousado: corrigir os problemas das moedas atuais, como Bitcoin e Ethereum. Garrett Camp, cofundador e chairman da Uber, disse à revista Fortune que espera “ressuscitar a promessa original da moeda digital: um meio de pagamento instantâneo, acessível e sem fronteiras para as massas”.

Por isso, a Eco busca estabelecer uma nova política monetária, com um ponto de vista mais filosófico. Além disso, conta com a cooperação de universidades, cientistas e institutos de pesquisa.

Como funciona a Eco

O objetivo da Eco é criar uma nova plataforma de pagamento distribuído com incentivos coletivos para a eficiência energética global. A Eco quer ser uma criptomoeda usada para comprar qualquer bem ou serviço.

Conheça a CoinBene

Para isso, conta com um projeto ecológico por trás. Segundo próprio white paper da moeda:

Comer refeições sem carne, mudar para um fornecedor de energia verde ou andar de bicicleta para o trabalho pode render ECOs que você pode gastar em nosso novo mercado sustentável para comprar experiências, serviços e produtos ecológicos. Esta é uma nova maneira de acompanhar, medir e recompensar a sustentabilidade, para que agora você possa fazer o bem e ser pago.

Além disso, um detalhe pode ser o diferencial da Eco: seu processo de mineração. Diferente das outras moedas virtuais já existentes no mercado, que consomem muita energia no processo de mineração, a Eco pretende utilizar algum recurso que reduza o consumo de energia.

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
endor
Valor de mercado do Endor Protocol (EDR) recua em um mês
Rede TRON realiza quase metade do número de transações do Ethereum
Cotação da Essentia (ESS) recua 4% nas últimas 24 horas
Conheça LUXCoin (LUX), novidade na CoinBene